Aquecimento global

É o aumento da temperatura média da camada de ar próxima à superfície da Terra e dos oceanos provocado por atividades humanas, como a queima de combustível fóssil e a destruição de florestas. A emissão dos chamados gases do efeito estufa por veículos, pela indústria, pela derrubada de árvores e até pela pecuária – bovinos liberam metano por meio do arroto – provoca a retenção de calor na atmosfera.
Com frequência, aquecimento global e mudança climática são usados como sinônimos, mas o último tem o sentido mais amplo, incluindo outros efeitos no planeta, como o aumento das chuvas e dos períodos de estiagem em algumas regiões.
Desde o período pré-industrial, estima-se que a temperatura média global da Terra subiu cerca de 1°C, e que ela vem crescendo 0,2°C por década. Segundo o Acordo de Paris, a temperatura do período pré-industrial corresponde às medições feitas entre 1850-1900 – quando os instrumentos meteorológicos se popularizaram. Alguns cientistas contestam o uso desse período como base de comparação, já que a Revolução Industrial começou quase um século antes, em 1760, dando início às emissões de gases de efeito estufa pelo homem. Para estes pesquisadores, o aquecimento global está subestimado.

Acordo de Paris

Artigo anterior

Desenvolvimento sustentável

Próximo artigo